Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012

BlackBerry Curve 9220: Bonito e barato. Será também bom?

Para quem procura apenas um smartphone com estilo e não tenha muito para gastar, então vai ficar satisfeito com as formas simpáticas e a aparência do BlackBerry Curve 9220. Mas não se deve ignorar que por este preço as características são limitadas e grande parte da redução do preço foi obtido com um ecrã mais pequeno, uma câmara fotográfica pobre e pouca memória interna. Além disso ele não é 3G!
Mas como telefone de entrada esta é uma boa solução para pequenos orçamentos e parte das suas limitações acabam por se reflectir positivamente na duração da bateria. Com um uso moderado de chamadas e/ou internet ela deverá durar para um dia, ou até mais, devido ao consumo pouco exagerado do pequeno ecrã de 2,44 polegadas. Como esta tela é pouco resistente aos riscos, é aconselhável colocar uma tira protectora o mais rápido possível após a compra do telefone.

Estrutura

O plástico parece-nos de boa qualidade mas a parte traseira brilhante vai ganhar rapidamente muitos riscos. E atenção a esta parte por causa do vidro da câmara de 2 megapixels!
Confortável de manter na mão, fino e leve, o BlackBerry Curve 9220 possui na sua parte superior um botão de desbloqueio e um jack de 3,5 mm para os auscultadores. Na parte frontal uma luz de notificação LED e teclado QWERTY retro-iluminado, com botões pequenos e pouco aconselháveis para dedos grandes ou pouco sensíveis.
Por isso a funcionalidade de aparelhos com muitas teclas frontais é mais indicado para crianças e para o público feminino.
Esta opinião é igualmente válida para o trackpad óptico localizado abaixo da tela. Ele pode revelar-se muito sensível. Ao contrário, as teclas de recepção, de menu, ESC e desligar não oferecem qualquer dificuldade. Claro que a intenção desta disposição foi manter a forma clássica de BlackBerry se segmento superior.
Na parte esquerda fica o comando BBM (BlackBerry Messenger) e uma entrada para microUSB. O alto-falante fica na parte inferior do dispositivo, na parte direita localiza-se o botão de volume e uma tecla dedicada à máquina fotográfica. O telefone não tem flash mas como existe slot para cartão microSD pode arquivar aí muitas músicas e imagens.

Funcionamento

A pequena tela TFT de 2,44 polegadas oferece uma resolução de 320x240 pixels com 65 mil cores. Apesar de tudo surpreendeu pela intensidade das cores e pelos ângulos de visão mesmo sob forte luz solar. Isso denota um brilho correcto, bom contraste e nitidez das cores.
Claro que este tamanho da tela é o principal impedimento para experimentarmos melhor algumas das suas funcionalidades enquanto smartphone, nomeadamente se você deseja utilizar recursos através da internet.
O sistema operacional é Blackberry OS 7.1. Roda relativamente rápido em parte devido ao processador de 800 Mhze a sua interface é bastante intuitiva mesmo para quem não o conhece. Não fosse o seu pequeno ecrã e provavelmente diria que a sua capacidade multitarefa era fantástica tal a possibilidade de utilizar simultaneamente várias aplicações como o Facebook, o Twitter, o BBM, o YouTube e alguns sites. Pré-instalado estão alguns destes aplicativos e ainda o Google Maps e o Google Talk, por exemplo. Mas muitos outros podem ser instalados a partir da “BlackBerry App World”.
Não há muito que esperar da memória interna de 512MB, sobretudo se você desejar ter e utilizar muitas aplicações. É possível expandir a memória até 32GB através de um cartão microSD, mas uma memória interna elevada é sempre melhor

O melhor

Aquilo que realmente me seduziu mais foi a capacidade da bateria lítio-ion de 1450 mAh.
A marca reclama até 7 horas de tempo de conversação, até 28 horas de reprodução de música e até 18 dias em standby e a realidade é que ela pode sobreviver facilmente mais de um dia em uso normal.
A qualidade de som e das chamadas é igualmente boa, produzindo um som claro e com intensidade suficiente.
Este aparelho é Quadriband, ou seja funciona em redes GSM 850/900/1800/1900 embora apenas a 2G.
Isto é válido para a reprodução de músicas (BlackBerry Media Player), com uma qualidade bastante aceitável mesmo através dos auscultadores que vêem incluídos no pacote.

Dimensões
• 10,9 (A) x 6,0 (L) x 1,27 (P)cm
Peso
• 102g
Autonomia Conversação
• até 7h
Autonomia Standby
• até 432h


E o pior

O BlackBerry Curve 9220 conta com rádio FM.
Além disso, este telefone vem com WiFi… a 2G! Não tem suporte a 3G, quanto mais a 4G!
Uma câmara de 2Mpx só mesmo para você se entreter com um motivo para o qual se tenha esquecido de uma máquina fotográfica decente. Embora com boa disposição solar os resultados até possam ser bastante aceitáveis (veja-se o exemplo em anexo), em condições de pouca luz a qualidade das imagens é bastante sofrível e com muito ruído.
Existe também um zoom digital francamente inútil. É preferível que você faça essa ampliação posteriormente através do seu computador.
Tudo isto é válido para o modo vídeo, novamente com a acção de zoom que não revela qualquer utilidade.
Em resumo, esta função destina-se mais a partilhar imagens para serem vistas através de telemóvel em ecrãs de pequena dimensão. Para qualquer outra intenção não confie nas potencialidades deste aparelho.
publicado por cockpitautomovel às 23:49
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 
Quem Sou/O Que Faço

Há muitos anos que sou colaborador de uma grande empresa mundial de comunicações e que acompanho o lançamento de novos produtos ou a evolução das tecnologias da comunicação móvel. Comecei a escrever  para algumas publicações e agora decidi dar-vos o meu testemunho pessoal sobre a matéria. Espero que também participem dando as vossas opiniões e testemunhos sobre este tema.

Artigos Mais Recentes

SMS bonitos para enviar n...

Os telemóveis podem explo...

Luva com auricular para f...

Caneta especial faz desen...

Novo telemóvel revela nud...

AEG Glamour 2: Uma jóia c...

“Black-power” com o LG Ma...

Aplicação para telemóvel ...

Telemóveis femininos: há ...

Sony Ericsson Xperia Play...